A importância da Segurança Digital para Operadoras de Telefonia

, , , ,
seguranca-digital-para-operadoras-de-telefonia

Operadoras de telefonia são alvos constantes de criminosos que visam prejudicar o sistema e os serviços oferecidos, por esse motivo o investimento em segurança digital para operadoras de telefonia se faz necessário. Em 2016, Oi e GVT foram alvos de hackers, que contaminaram as centrais de transmissão com um vírus que bloqueava a distribuição do sinal. O ataque prejudicou mais de 200 mil usuários da região noroeste de São Paulo, deixando-os sem cobertura por uma semana até a normalização dos sistemas. No mesmo ano, até a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) foi alvo de ataques de negação de distribuição de serviço (DDoS, na sigla em inglês), interrompendo os serviços prestados pela agência durante horas, prejudicando milhões de usuários que dependiam do órgão.

Quando há ocorrências desse tipo, os consumidores dos serviços de telefonia e Internet são os mais prejudicados, especialmente os do mercado corporativo. No caso citado das operadoras, o varejo teve prejuízo de 50% por dia devido à falta de Internet, que impossibilitava os pagamentos. Para a Indústria, esse número é ainda mais preocupante. Empresas de diversos setores, como tecnologia, comunicação e lojas virtuais passam por problemas ao perderem a conexão, já que dependem do pleno funcionamento dos planos contratados para manterem suas operações.

Tamanha responsabilidade evidencia a necessidade de investimentos em segurança digital para as operadoras preventiva por parte das operadoras de telecomunicação, especialmente na mitigação de ataques DDoS. Nesse tipo de ocorrência, os criminosos infectam milhares de dispositivos conectados à Internet e em seguida apontam os mesmos para acessarem simultaneamente um site ou serviço, sobrecarregando-o até sua queda.

Como as Operadoras podem se proteger ainda mais?

Somado ao reforço na infraestrutura tecnológica, o momento pede também que as operadoras criem um centro de operações de segurança com especialistas capacitados em monitoramento e análise de riscos. É importante estabelecer uma rotina de prevenção com antecipação aos riscos, buscando ferramentas tecnológicas com recursos que possibilitam estar sempre à frente dos criminosos, neutralizando possíveis violações tão logo sejam identificadas.

Atuar com esse conjunto de ações permite o reconhecimento e o bloqueio das ameaças, antes que haja danos aos usuários, passando a ser primordial na era da informação, onde pessoas e empresas estão conectadas grande parte do tempo e dependem das telecomunicações para comprar e vender. Se o investimento em segurança não for feito da maneira correta, as empresas de telefonia ficarão vulneráveis e serão alvos de ataques, o que trará prejuízo a milhares de negócios, além de atrapalhar a rotina de milhões de usuários.

0 respostas

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário abaixo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *